Os californianos não poderão votar em novembro uma proposta para dividir o estado mais rico dos Estados Unidos em três regiões.

A Suprema Corte estadual negou a iniciativa conhecida como “Proposta 9”, que conseguiu assinaturas suficientes para ser incluída na cédula da eleição de novembro.

Em uma decisão unânime, o tribunal descartou a proposta por seu “dano potencial”.

Segundo a “Proposta 9”, do estado mais rico e povoado do país surgiriam três novos estados: Califórnia, Califórnia do Norte e Califórnia do Sul, cada um com uma população de cerca de 13 milhões de pessoas.

Os defensores da proposta afirmam que isso resultaria em um sistema educativo mais eficiente, impostos mais razoáveis e rodovias mais seguras.

A iniciativa foi apoiada por Timothy Draper, um inventor de Silicon Valley, que expressou sua decepção com a decisão da justiça.

Mas a medida era rejeitada pelos partidos Democrata e Republicano, além do jornal “Los Angeles Times”, que celebrou a decisão do tribunal.

“A Califórnia evitará em novembro uma batalha complicada, desordenada e completamente desnecessária”, afirma seu editorial.

Fonte e foto: G1