Mãe da jovem Lais dos Santos Bera, que morreu após capotar com o carro na rodovia Nestor Fogaça (SP-250), em Pilar do Sul (SP), afirmou  que a filha estava em busca de combustível para abastecer o veículo.

O acidente ocorreu na sexta-feira (25) por volta das 14h20, quando a jovem ia até São Miguel Arcanjo (SP), cidade vizinha de onde morava.

Lais chegou a fazer uma postagem em seu perfil no Facebook sobre onde poderia abastecer minutos antes de capotar. No veículo também estava a filha de 1 ano, que foi socorrida com ferimentos leves.

“Eu falei com a minha filha meia hora antes dela pegar a rodovia. Perguntei se tinha conseguido abastecer e ela disse que não e que estava indo para São Miguel Arcanjo abastecer. Falei para ela não ir, que não valia a pena porque já tinham falado que lá não teria. Mas ela foi teimosa, infelizmente. Nem conseguiu chegar ao destino”, afirma a mãe, Rute Nunes dos Santos Bera.

Segundo Rute, ela estava trabalhando em Sorocaba (SP), quando soube do acidente. “Eu fiquei muito assustada e não acreditava que ela tinha morrido. Uma menina tão jovem. Infelizmente não tem hora para acontecer isso. Quando tem que acontecer, acontece. Ainda bem que a filha dela sobreviveu. Nosso consolo”, diz.

Postagem

A postagem sobre combustível foi publicada pela jovem às 13h49 de sexta-feira (25) e, segundo a polícia, o acidente foi registrado por volta das 14h20.

Na publicação, Lais questiona onde poderia abastecer seu veículo com etanol e pergunta sobre cidades da região de Itapetininga (SP), como São Miguel Arcanjo, Pilar do Sul e Salto de Pirapora.

Alguns amigos chegam a comentar sobre a cidade não estar com combustível e até indicam outra que possa ainda ter etanol.

Minutos após, um internauta comenta sobre a morte da jovem após o capotamento na rodovia e amigos lamentam o acidente. “Não consigo acreditar nessa tragédia”, escreve uma amiga.

Acidente

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, Lais perdeu o controle da direção no quilômetro 151 e capotou.

Ela e a filha foram socorridas por uma Unidade de Resgate e levadas para a Santa Casa, mas Lais não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade. Já a criança sofreu ferimentos leves.