Homem passa três dias em rancho e depois inventa roubo e sequestro para justificar para família, mas polícia descobre que ele estava em rancho se divertindo

Na tarde de ontem, um homem tentou enganar a Polícia Civil de Lins, inventando uma história segundo a qual teria sido roubado e sequestrado. Na verdade, ele queria se justificar para família por ter passado alguns dias em um rancho, mas foi desmascarado.
De suposta vítima, ele passa a indiciado e terá que responder o processo por falsa comunicação de crime.

Na tarde de ontem o delegado Dr João Pandolfi conversou com o denunciante e, após alguns questionamentos, confessou que havia mentido para justificar a ausência de casa por três dias.

Fonte e foto: Folha da Noroeste