O “Bola Bacana – Lins” preencheu todas as 100 vagas disponibilizadas para os alunos das escolas João Alves da Costa e Gessy Martins Beozzo. O projeto tem como principal objetivo estimular o desenvolvimento escolar de jovens carentes, através da prática e do aprendizado esportivo.

De acordo com Basileu Alves, presidente da AACE, é gratificante participar da evolução dos alunos e do próprio projeto. “É uma grande conquista, não é só da nossa equipe técnica, mas também dos alunos, que vêm apresentando grande evolução social e esportiva ao longo destes meses”, afirma.

O “Bola Bacana Lins” atende 100 crianças e adolescentes de sete a 14 anos matriculados na rede pública de ensino de Lins. Os participantes são divididos em quatro turmas de 25 alunos cada. São realizadas atividades esportivas que contemplam as modalidades de basquete, futsal, handebol e vôlei.

O Projeto

O “Bola Bacana” é iniciativa da Associação de Arte, Cultura e Esporte (AACE) patrocinada por meio da renúncia fiscal do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) da Usina Lins, prevista pela Lei Paulista de Incentivo ao Esporte da SELJ (Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude). O projeto também conta com o apoio da Prefeitura de Lins e SEMEL.

Fonte e foto: Martinez comunicações